O Poder da Motivação

Clique no player para ouvir este conteúdo

Há alguns anos atrás, quando eu ainda estava iniciando meus cursos online, já recebia muitos elogios pela forma como conduzia meu trabalho. Fiquei muito conhecido nas comunidades que partilhavam experiências a partir do contato com o filme “The Secret”, de Rhonda Birne.

Apesar de comercializar vários cursos de aperfeiçoamento pessoal, o grande diferencial que fez meu trabalho deslanchar foi um treinamento online que não era vendido. Tratava-se de um método colaborativo que se chamava: “Praticando o Segredo da Lei da Atração”. Durava noventa dias e, a cada final de quinzena, era solicitada uma colaboração espontânea para o projeto. Por incrível que pareça, esse treinamento gerava o melhor retorno financeiro, pois as pessoas realmente eram beneficiadas com a prática e queriam seguir para o próximo nível. Nesse tempo, eu recebia mais de sessenta novos inscritos a cada dia, dentre os quais, pelo menos cinco ou seis colaboravam e seguiam adiante. E, o mais incrível era que, apesar de não estipular um valor mínimo, geralmente a grande maioria das contribuições eram bem consistentes.

Certo dia, em meados de 2008, ao chegar em casa do trabalho, minha esposa disse que um senhor da cidade do rio de janeiro havia ligado e estava ansioso para falar comigo. Seu nome era Nelson. Fiquei deveras apreensivo porque nunca informei meu telefone aos participantes. Por volta das sete horas da noite o homem fez nova ligação e eu atendi. Após a apresentação quase solene durante a qual fui por muitas vezes chamado de mestre, o Sr. Nelson narrou a sua experiência positiva perante o contato com o meu treinamento online. Foi uma conversa longa, praticamente um monólogo da parte dele. Transcrevo abaixo uma narração quase fiel de sua fala que ainda trago gravada de forma indelével na memória. Ele disse:

“Mestre Francisco, você salvou minha vida. O Grande Arquiteto do Universo opera através de você. Eu estava no terceiro AVC quando me deparei com seu treinamento na internet. Entrei e fiz a inscrição meio cético, mas com a esperança de salvar minha vida que estava mergulhada num caos total. Fui piloto da aviação civil por muitos anos, cofundador de uma empresa tecnológica de segurança privada. Espiritualista convicto, sou membro de grau elevado em uma ordem iniciática muito conhecida”.

Após contar-me alguns detalhes sigilosos de sua posição na ordem, ele continuou:

“Tudo começou a desandar quando deixei o dinheiro amealhado com minha exitosa empresa subir à cabeça. Por conta disso, caí na prostituição, no alcoolismo e outras armadilhas elaboradas para capturar os tolos. Minha esposa não suportou e pediu o divórcio. Por fim, fui ludibriado por meu sócio e perdi a minha galinha dos ovos de ouro. Como consequência direta de toda essa tormenta emocional, minha saúde também se foi. A minha tábua de salvação é minha filha, única que ainda permanece comigo. Hoje, ela é meu único tesouro. Felizmente, o maior e o melhor”.

Diante de toda a narrativa empolgante do Sr. Nelson, eu quis saber o que ele desejava de mim. Ele disse que queria falar de uma coisa boa e sobre outra, nem tanto, pelo menos para mim. Pedi para falar primeiro sobre a pior porque eu prefiro finalizar tudo de maneira positiva. De pronto, ele me disse que a notícia ruim era que ele desejava continuar o treinamento, mas não poderia fazer qualquer colaboração por conta da sua caótica situação financeira. Disse a ele que, por princípio próprio, não poderia abrir exceção, pois se assim o fizesse, estaria sendo injusto com muitos outros participantes. Mas deixei claro que a doação dele poderia ser absolutamente simbólica. E foi: R$ 1,00 (Um real) depositado em uma casa lotérica carioca.

O enigmático Sr. Nelson continuou fazendo pequenas colaborações até o final do treinamento. Somente cerca de um ano e meio depois do final do treinamento, estando com as finanças bem equilibradas, enviou-me um depósito rechonchudo: R$ 700,00 (setecentos reais). Houve outras doações cujos intervalos e valores não vêm ao caso agora. Citei o fato apenas para chegar ao ponto de poder falar de maneira compreensível, sobre o imenso poder da motivação. E, isso tem tudo a ver com a notícia boa repassada pelo Sr. Nelson naquela nossa primeira conversa, a qual transcrevo a seguir:

“Francisco, não foi por acaso que eu te chamei de mestre desde o começo da nossa conversa. É por conta da natureza profundamente espiritual do seu treinamento. Como já te disse antes – continuou ele – sou membro de uma sociedade secreta de cunho espiritualista. E, apesar de ter me desviado do caminho por conta da minha soberba, alguns dos meus dons permanecem comigo”.

Fale de maneira clara para que eu entenda, respondi.

“Pois bem; tenho um medalhão que carrego sempre comigo porque foi consagrado e entregue a mim pelo meu mestre há muitos anos. Quando estava executando os trabalhos na ordem, ele sempre reluzia em cores vibrantes que representavam as energias circundantes. Há muito, eu havia perdido a capacidade de ver essas luzes. No entanto, toda vez que começo a ouvir um dos áudios de sua autoria, uma luz ultravioleta aparece em torno do medalhão. Isso significa que há uma energia muito boa, de natureza elevada, permeando suas palavras”.

Assustado, cético e perturbado diante dessas informações, mudei o tom da conversa. Disse ao Sr. Nelson para continuar o treinamento e guardar essas visões místicas somente com ele. Esse episódio pitoresco teve muitas outras facetas. Mas, o fator mais importante não tem nada a ver com as substanciais contribuições supracitadas. O que realmente colocou um diferencial no meu trabalho foi a motivação incutida em meu subconsciente, de maneira marcante, por aquele senhor. Ele conseguiu reforçar imensamente a ideia de que o que eu fazia era realmente algo muito importante.

Só para matar a curiosidade: hoje, o Sr. Nelson é diretor executivo de uma empresa multinacional ligada ao ramo do petróleo e está muito bem de saúde.

Durante os últimos cinco anos, recebi centenas de elogios e depoimentos eufóricos de participantes agradecidos. No entanto, a forma como o Sr. Nelson me estimulou, amplificou minha autoconfiança e fundamentou minha convicção no funcionamento da Lei da Atração. Isso certamente potencializou meu entusiasmo em seguir adiante com esse trabalho que hoje é a minha maior paixão.

Por: Francisco Ferreira, O Aprendiz

 

Ajude-me a continuar disseminando gratuitamente ideias que edificam e inspiram. Colabore com a Academia do Aprendiz através do botão abaixo.


CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E CONHEÇA O MÉTODO DE GERAÇÃO DE RIQUEZA DO CRIADOR DA ACADEMIA DO APRENDIZ

 

LIVROS DO CRIADOR DA ACADEMIA DO APRENDIZ
Clique nas imagens para ler um trecho gratuitamente

Author: Francisco Ferreira, O Aprendiz

Francisco Ferreira, o Aprendiz, é terapeuta formado pelo Instituto Nefesh, Pós Graduado em Filosofia e Sociologia, com formação em PNL, Coaching, TFT, Cinesiologia Aplicada, EFT, Barômetro Emocional, dentre outros. Tem doze livros publicados, escreveu mais de quinhentos artigos de autoaperfeiçoamento e criou quinze métodos de desenvolvimento pessoal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *