Biografia de Émile Dukheim

Nasceu em Épinal, Vosges, em 15 de abril de 1858, freqüentou a École Normale Supérieure em Paris e ingressou-se por filosofia. É considerado Fundador da sociologia. Sua contribuição tornou-se ponto de partida do estudo de fenômenos sociológicos como a natureza das relações de trabalho.

Partindo da exterioridade dos fatos sociais, Durkheim abordou a sociedade como um fato sui generis e irredutível a outros, compreendendo-a como um conjunto de ideais constantemente alimentados pelos indivíduos que fazem parte dela. Dessa forma, conceituou a consciência coletiva como o “sistema das representações coletivas de uma dada sociedade”.

Durkheim combinou a pesquisa empírica com a teoria sociológica, comprovando que os fatos sociais são experimentados pelo indivíduo como uma realidade independente que ele criou e não pode rejeitar, como as leis, costumes e práticas burocráticas oficiais.

Na análise dos sistemas sociais, Durkheim introduziu os conceitos de solidariedade mecânica e orgânica, que o levaram à distinção dos principais tipos de grupos sociais. O estudo das sociedades mais complexas levou Durkheim às idéias de normalidade e patologia sociais, a partir das quais introduziu o conceito de anomia, ou seja, ausência ou desintegração das normas sociais. Como as sociedades mais complexas se baseiam na diferenciação, é preciso qua as tarefas individuais correspondam aos desejos e aptidões de cada um. Isso nem sempre acontece e a sociedade se vê ameaçada pela desintegração, pois os valores ficam enfraquecidos. A solução proposta por Dukheim são as formas cooperativistas de produção econômica. Èmile Durkheim morreu em Paris em 15 de novembro de 1917.

Por: Francisco Ferreira, O Aprendiz

 

Ajude-me a continuar disseminando gratuitamente ideias que edificam e inspiram. Colabore com a Academia do Aprendiz através do botão abaixo.


CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E CONHEÇA O MÉTODO DE GERAÇÃO DE RIQUEZA DO CRIADOR DA ACADEMIA DO APRENDIZ

 

LIVROS DO CRIADOR DA ACADEMIA DO APRENDIZ
Clique nas imagens para ler um trecho gratuitamente

Deixe um comentário