A Decisão é Sua

Clique no player para ouvir este conteúdo

Você tenta, tenta, tenta, mas a mudança que quer em determinada área da sua vida não vem?

Saiba que a força que sabota seu crescimento pessoal está intimamente relacionada com suas crenças, por vezes, tão arraigadas no subconsciente, que tornam inúteis todos os seus esforços. Pior é que muitas dessas ideias limitantes estão no nível inconsciente, completamente ocultas à sua percepção normal. Assim, ao longo de muitos anos você cria uma dependência emocional doentia sem ao menos perceber.

Atacar suas crenças limitadoras na origem seria “batata”. O problema é que você não sabe onde começa o fio da meada. A solução poderia vir de um agente interno, como um terapeuta especializado, mas isso nem sempre é possível. Diante de tal impasse, gostaria de apresentar uma tática eficaz que você mesmo pode colocar em prática: a autoconsciência.

Elabore uma nova conduta no sentido de atacar diariamente suas crenças limitadoras. Como? Desmistificando todas as falsas verdades incutidas em sua mente mais profunda. O primeiro passo para que isso ocorra está em tomar um novo posicionamento diante de todas as coisas, desde as mais corriqueiras.

Experimente desviar a atenção, do negativo para o positivo, com persistência e determinação. Seja teimoso nessa prática e não a deixe cair no esquecimento. Você é um ser de hábitos, passível de mudança. Uma verdade deixa de sê-la quando você incorpora outra, de nível mais elevado.

Por que acreditar que você não tem sorte na vida? O que esta crença mantida na mente poderia trazer de bom?

Por que achar que Deus pune, julga e castiga? Quem já voltou do além para dizer que o Universo é mesquinho, cruel e vingativo a ponto de não perdoar suas falhas baseadas na ignorância do passado?

Por que acreditar que você está velho demais para recomeçar quando não se sabe se a vida pode ser eterna?

Para que se prender no passado quando o Universo, a cada manhã, dá-lhe uma nova oportunidade?

Para que preocupar-se demasiadamente com o futuro quando o bem mais precioso ao seu alcance é o momento presente?

Por que se lamentar com tantas perdas que se esvaíram pelos vãos dos seus dedos quando há inúmeras bênçãos caindo dos céus em seu terreiro?

Abra os olhos e veja o quanto você é abençoado. Afinal de contas, pode ver, andar, ler, sorrir, amar e, acima de tudo, viver.

Não faça de sua consciência um eterno muro de lamentações porque a sua mente focada nos males do mundo se torna uma oficina do diabo.

Hoje pela manhã, enquanto buscava luz para escrever um novo artigo para A Casa do Aprendiz, vasculhando a internet, encontrei uma citação absolutamente maravilhosa que resume magnificamente qual a melhor forma de conduta diante da vida. Diz o seguinte:

“Mantenha seus pensamentos positivos, porque seus pensamentos tornam-se suas palavras. Mantenha suas palavras positivas, porque suas palavras tornam-se suas atitudes. Mantenha suas atitudes positivas, porque suas atitudes tornam-se seus hábitos. Mantenha seus hábitos positivos, porque seus hábitos tornam-se seus valores. Mantenha seus valores positivos, porque seus valores… Tornam-se seu destino”. (Mahatma Gandhi)

Como uma coisa boa nunca vem desacompanhada, nesta mesma página da web, encontrei outro enunciado genial que caiu como luva no contexto deste artigo. Veja:

“Hoje ainda será melhor do que ontem!” Este deve ser seu pensamento para todos os dias. Acredite, confie em seus planos e a vida será cada vez melhor. Os seus pensamentos irão determinar o tipo de vida que você vai ter. Portanto, tenha pensamentos positivos, de esperança. Confie! Se você pensar que as coisas boas lhe acontecerão, isto se tornará realidade. Afinal, nossos pensamentos são como ímãs: se você pensar em coisas boas, só atrairá coisas boas. Se você pensar em coisas ruins, elas virão rapidamente! A decisão é sua.” (Louise L. Hay)

A frase da brilhante Louise Hay diz: “A decisão é sua”. Isso serviu de base para criar o título deste artigo. Como se não bastasse, pedi mais luz ao Universo no sentido de criar um texto verdadeiramente útil aos meus leitores e, em apenas mais um clique, dei de cara com a seguinte transcrição:

“Cada manhã traz uma benção escondida; uma benção que só serve para esse dia e que não se pode guardar nem desaproveitar. Se não usamos este milagre hoje, ele vai se perder. Este milagre está nos detalhes do cotidiano; é preciso viver cada minuto porque ali encontramos a saída de nossas confusões, a alegria de nossos bons momentos, a pista correta para a decisão que tomaremos.” (Paulo Coelho)

Os três anunciados acima serviram de norte para a confecção deste artigo e, por si só, são suficientes para responder os questionamentos elencados por mim logo acima. Afinal de contas, porque perder um único minuto de sua preciosa vida com pensamentos, emoções e ações negativas?

Pense e aja no sentido de fazer uma mudança positiva, semente de toda transformação que você quer e precisa. A decisão de mudar está sob o seu controle. Opte agora pelo bom, pelo bem, pelo belo, pelo prazeroso e pelo justo e você descobrirá que a vida pode ser maravilhosa.

Ajude-nos a continuar disseminando gratuitamente ideias que edificam e inspiram. Faça a sua doação para o Projeto Academia do Aprendiz através do botão abaixo.

ESCREVA SEUS PRÓPRIOS DECRETOS DE PODER E NÓS OS TRANSFORMAREMOS EM ÁUDIOS PODEROSOS DE TRANSFORMAÇÃO PESSOAL. CLIQUE NA IMAGEM A SEGUIR E SAIBA TUDO.

 

 

 

LIVROS DO CRIADOR DA ACADEMIA DO APRENDIZ
Clique nas imagens para ler um trecho gratuitamente

Author: Francisco Ferreira, O Aprendiz

Francisco Ferreira, o Aprendiz, é terapeuta formado pelo Instituto Nefesh, Pós Graduado em Filosofia e Sociologia, com formação em PNL, Coaching, TFT, Cinesiologia Aplicada, EFT, Barômetro Emocional, dentre outros. Tem doze livros publicados, escreveu mais de quinhentos artigos de autoaperfeiçoamento e criou quinze métodos de desenvolvimento pessoal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.