Academia do Aprendiz

Há Doze Anos Desenvolvendo Habilidades de Alta Performance

Áreas do Site

Tag: carreira

Por Um Dia Melhor

Dia Melhor

Pense em um lugar maravilhoso onde, em alguma ocasião, você tenha sentido a energia vibrante do amanhecer. Essa é uma recordação maravilhosa, não é mesmo?

Se você não tem o hábito de contemplar o nascer do sol, recomendo que o faça a partir de agora. O ideal seria incorporar esse ato à rotina diária. Mas, diante da impossibilidade, esforce-se para fazê-lo o mais freqüente quanto possível. Esse hábito, além de proporcionar bem-estar, fará com que a sua consciência se amplie paulatinamente. O instante mágico em que o dia nasce, o resplandecer dos primeiros raios do sol, parece ser um momento propício para entrar em sintonia com a vibração cósmica.

A visão da luz do sol lançando os primeiros raios sobre o horizonte, penetrando lentamente Continue lendo...

Última Parte: Dicas básicas para enfrentar negociações difíceis…

Os Perigos da Reação: A primeira vítima de um ataque é a sua objetividade. A objetividade é a faculdade de que você mais precisa para negociar efetivamente. Sem ela, você se desequilibra e não raciocina com clareza.

Aprendemos que “a cada ação corresponde uma reação igual e contrária”. Entretanto, a lei de Newton, aprendida nas aulas de física, aplica-se a objetos, não a mentes. Os objetos reagem. As mentes podem optar por não reagir. É isso que você deve fazer.

E, o que fazer quando você se defronta com uma negociação difícil? É preciso recuar, esfriar a cabeça e analisar a situação de maneira objetiva. Tenha uma visão distanciada, quase como se você fosse uma terceira parte para que você possa analisar calmamente o conflito e procurar uma maneira satisfatória de resolver o problema de ambos.

Como exemplo, cito o caso de uma executiva do ramo de cinema, que estava negociando a venda de um programa para uma rede de televisão a cabo, um negócio que envolvia milhões. No meio de sua reunião final com o negociador da rede de televisão, o presidente da emissora entrou na sala enfurecido. Ele atacou o produto e a integridade pessoal da executiva e exigiu alterações radicais no contrato.

Qual é o seu sistema de crença…

Você sabia que são precisos três semanas para adquirir uma nova maneira de viver. Criar um novo hábito leva também algum tempo, semanas talvez e com as nossas emoções também o mesmo tempo ou até mais.

Vou dar um exemplo. Você sabe que quando uma pessoa faz um transplante, o organismo pode rejeitar. Por que o organismo faz isso? Por que ele rejeita um órgão que poderá trazer vida? Você sabia que ideias e ações diferentes das já existentes numa pessoa poderão ser rejeitadas? Que poder é esse que faz o homem a não aceitar o novo que muitas vezes pode ser bom? Isso ocorre devido ao seu sistema de crença. E o que é sistema de crença?

“Sistema de crença é tudo aquilo que seus pais, seus amigos seus parentes ensinaram repetidamente a você. Tudo que você ouviu na escola, Continue lendo...

Tempo de escolher

“Um homem não é grande pelo que faz,
mas pelo que renuncia.”
(Albert Schweitzer)

Muitos amigos leitores têm solicitado minha opinião acerca de qual rumo dar às suas carreiras. Alguns apreciam seu trabalho, mas não a empresa onde estão. Outros admiram a harmonia conquistada, mas não têm qualquer prazer no exercício de suas atividades. Uns recebem propostas para mudar de emprego, financeiramente desfavoráveis, porém desafiadoras. Outros têm diante de si um vasto leque de opções, muitas coisas por fazer, mas não conseguem abraçar a tudo.

Todas estas pessoas têm algo em comum: a necessidade premente de escolhas. Lembro-me de Clarice Lispector: “Entre o sim e o não, só existe um caminho: escolher”.

Acredito que quase todas as pessoas passam ao longo de sua trajetória Continue lendo...

II Parte: O que é mais importante, ser inteligente ou ser esforçado?

Um professor submeteu os mesmos alunos, de quinta série, a outro teste elaborado para ser extremamente difícil, o qual havia sido preparado originalmente para alunos do oitavo ano, mas que ele queria ver como as crianças reagiriam ao desafio.

Os alunos que haviam sido elogiados pelo esforço no teste inicial, esforçaram-se muito para decifrar os quebra-cabeças. As crianças que haviam sido elogiadas pela inteligência, por outro lado, logo ficavam desestimuladas. Seus erros inevitáveis eram vistos como sinais de fracasso: talvez não fossem tão inteligentes assim, afinal de contas.

Depois de fazer o teste difícil, os dois grupos de estudantes precisavam escolher entre ver os testes de crianças que haviam se saído pior do que elas ou os de quem se saíra melhor. Os estudantes elogiados Continue lendo...

Espiritualidade nas organizações…

Sua saúde mental requer a atitude mental correta, perdão, gratidão e ausência de espírito de vingança, e é afetada pelos insumos com que você abastece a mente. O insumo que influencia o pensamento e a felicidade.

O psicólogo pesquisador Lewis Andrews, após dez anos estudando a ligação entre espiritualidade e saúde mental concluiu: “As pessoas que acreditam em Deus e adotam valores espirituais muito fortes são mais felizes, mais sadias e, na maioria dos casos, mais interessadas intelectualmente do que as pessoas que não o fazem, pois a saúde espiritual equipara-se à saúde mental e/ou emocional”.

Na hipótese de você não ser tão entusiástico como eu sobre o valor dos conselhos bíblicos, recomendo que se lembre do seguinte: de acordo com a Revista Fortune, 91% Continue lendo...

Como melhorar sua Empatia…

Muito se diz da importância da empatia nos relacionamentos, nos processos produtivos e nas vendas, mas pouco se fala em como conseguir manter esse nível de empatia, por isso aqui vão algumas dicas: Viajar: visitar outros estados, outras cidades, pode ter um efeito imediato sobre sua empatia e sua compreensão dos outros. Quando você sai de casa, passa a ficar exposto a uma série de novas visões, novos cheiros, sabores, pontos de vista, hábitos e costumes. Não julgue: Estereotipar é outro julgamento que fazemos com frequência pelo cargo, raça, sexo ou talvez por algum outro fator. Por exemplo: um estudo recente mostrou que os pacientes cardíacos afroamericanos são mal diagnosticados em comparação com os brancos. O mesmo vale para mulheres. Pesquisas mostram que suas queixas ou descrições de sintomas, comparados com as dos homens, tem menor probabilidade de serem levadas a sério por médicos do sexo masculino. Aprender com os Fracassos: pesquisas recentes nas carreiras de pessoas com desempenho extraordinário revelaram a importância do fracasso como agente motivador. Fracasso não é uma pessoa, mas um momento na vida da pessoa. Um bom exemplo foi o acontecido com Abraham Lincoln, um dos maiores presidentes dos Estados Unidos, que sofreu mais fracassos do que a maioria das pessoas poderia tolerar, inclusive mortes na família e muitas derrotas nas eleições, mas assim mesmo foi vencedor. Não compare: O problema básico com as comparações é que elas se apoiam em jogos de fantasia vistos a distância. As pessoas bonitas da televisão não parecem tão bonitas de perto, especialmente às seis horas da manhã. É sempre fácil achar que a grama do vizinho é mais verde, até ser olhado de perto e mostrar a invasão da erva daninha. Prof. Menegatti é palestrante nas áreas de Vendas, Motivação, Liderança e Inovação. Suas palestras têm como foco direcionar pessoas a despertar ao máximo seu potencial profissional e pessoal. É autor de vários livros e DVDs, entre eles estão o livro “Talento – É fazer coisas comuns de forma extraordinária” e o DVD “Campeão de Vendas”. Contatos: www.menegatti.srv.br – palestrante@menegatti.srv.br Fone: (41) 3342.9562 / 9942.5150 Twitter: @profmenegatti Facebook: profmenegatti

Além dos números

“Não trabalho para ganhar dinheiro.
Ganho dinheiro com o meu trabalho.”
(J. R. Duran)

Você ingressa em uma empresa e já tem que fornecer o número do CPF, RG e PIS.

Entregam a você um crachá numerado, um ramal direto e sua posição relativa na estrutura hierárquica. De embrulho, normas de conduta e metas para serem atingidas.

O tempo passa e seu entusiasmo vai se dissipando. A palavra “entusiasmo” vem do grego enthousiasmós e significa “êxtase”. Os antigos a usavam para representar também arrebatamento e inspiração divina. Numa tradução literal, “ter Deus dentro de si”. É por isso que, quando perdemos o entusiasmo, perdemos tudo.

Você olha pela janela e enxerga uma legião de ambulantes pela rua. Gente trabalhando na informalidade, vendendo todo tipo de quinquilharias Continue lendo...

Fazendo marketing pessoal

Países, continentes e empresas tiveram suas distâncias encurtadas pela globalização, em decorrência disso estamos mais próximos e estamos sendo cobrados o tempo todo a partilhar o modo como vemos o mundo e as relações entre os homens, nossa experiência de vida, nossa experiência profissional, e sobretudo, somos julgados pelo que mostramos, pelo modo como o fazemos.
A intensidade da dinâmica econômica tornou cada vez mais fugaz a permanência nos antigos cargos de carreira. Nesta dança das cadeiras é preciso estar preparado para diferenciar-se, e ocupar um lugar como gerenciador de conhecimento. Adaptar-se rapidamente ao novo contexto, construir uma nova estrutura pessoal aberta ao crescimento continuo, é sobretudo uma grande vantagem competitiva.
Continue lendo...

Dicas para lidar com Brigas no Casamento…

Imagine uma situação em que marido e mulher estão a ponto de estourar um com o outro. Talvez um tenha tido um dia difícil no trabalho com muita cobrança de resultados, outro tenha dito algo que foi mal interpretado ou um filho adolescente que está tirando ambos do sério.

Eles chegam em casa e trocam poucas palavras, no quarto ficam deitados um de costas para o outro, o incômodo do silêncio aumenta a tensão.

Baseado nesse cenário do cotidiano quero, citar três dicas simples para você fazer nessa hora:

1.     Ouça a música favorita do casal.

2.     Olhe o álbum do seu casamento.

3.     Assista ao vídeo do nascimento dos filhos.

O som, a imagem irão invadir seus pensamentos, fazendo vocês se lembrarem das alegrias que tiveram juntos. Essas atitudes simples trarão a Continue lendo...

Você Está Seguindo sua Carreira ou Sua Vocação

Por Ernesto Berg

“A carreira é orientada pelo objetivo, mas a vocação focaliza-se no propósito de vida, aquela para a qual você nasceu.” David McNally

A missão de vida é o que dá sentido à nossa existência. Sem ela corremos o risco de seguir um caminho que não foi talhado para nós e sentir-nos frustrados, mesmo que tenhamos uma carreira de êxito. Conheço vários casos de executivos bem-sucedidos em seu trabalho, que subiram todos os degraus que se propuseram a subir e de terem atingido as metas que fixaram para si e, mesmo assim, infelizes por não terem seguido suas verdadeiras vocações. Eles, de certa forma, subiram os degraus que queriam, mas a escada estava encostada na parede errada, porque confundiram carreira com vocação.

Carreira X Vocação

Carreira trata de sua Continue lendo...

Rápido, vá devagar

Estamos em uma enrascada.
Quem passou a vida trabalhando mais de doze horas por dia, não são poucos, acha que não vale à pena.
No norte da América, onde as idéias que dão certo tornam jovens milionários, o excesso de esforço tem sido questionado e a defesa a uma vida com mais qualidade veiculada. O que dizer, então, a respeito do sul?

Ir rápido por que e para onde?
Mulheres no topo das organizações já não é novidade. Não só são aceitas como incentivadas.

Algumas optaram por desenvolver suas carreiras, trocando de posição com os maridos, que cuidam da casa e das crianças.

Estranho? Não mais. Agora, estranho é estranhar.

Conforto não é de graça. Nada é grátis nesta vida. Ora, que o providencie quem tiver as oportunidades.

Qual a novidade então? Elas estão enfartando Continue lendo...

Academia do Aprendiz © 2014-2017