Academia do Aprendiz

Há Doze Anos Desenvolvendo Habilidades de Alta Performance

Áreas do Site

Siga o Aprendiz no Facebook

Categoria: Aperfeiçoamento Pessoal

Caminhada para viver melhor

Você já teve alguma decepção? Momentos de dissabores? Já sentiu a dor da traição? Sobreviveu, não foi? A questão, porém, não é se vamos superar a dor, mas como evitá-la ou minimizá-la. Tudo vai depender de como lidamos com a situação.

Não raro, diante de infortúitos, nos transformamos em pessoas de “coração de pedra”, e remoemos cada momento de infelicidade. Daí, a nossa indiferença, amargura, intolerância com tudo e todos. Acabamos nos tornando uma “ilha abandonada” no meio do oceano, cercada de rochas, para impedir que qualquer embarcação tente atracar. Afinal de contas, nelas poderão vir outros traidores dispostos a tudo para apossar-se do pouco que restou.

Sem “visitantes” o nosso coração se esfria, não temos a quem apoiar e nem com Continue lendo...

O pecado da língua e a força das palavras

Como pode um membro tão pequeno, até então inofensivo, ter o poder de acabar com uma pessoa, uma família e por que não dizer uma nação!

Já é bíblico “quem vigia sua boca, guarda sua vida, quem muito abre os lábios se perde” (Prov.13.03). “quem vigia sua boca e sua língua, preserva sua vida da angústia” (Prov.21.23).

Porque será que Deus, em sua plena sabedoria deixou diversas passagens do qual nos alertam sobre as palavras que saem da nossa boca. Acredito que para nos mostrar que uma palavra mal colocada pode nos trazer perdas e derrotas no decorrer de nossas vidas.

Você já percebeu que existe certa maldição quando se abre a boca para falar mal de alguém. Pode fazer o teste, pense nas pessoas do qual você “descascou o abacaxi” e note se depois de algum tempo você não está fazendo a mesma coisa.

Às vezes criticamos um amigo porque é preguiçoso, mal humorado, apontamos seus defeitos e no final viramos a cópia desta pessoa, isso quando não fazemos pior.

Cristo e a Administração do Tempo

Cristo e a Administração do Tempo                                                                      Por Ernesto Berg

“Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu: há tempo de nascer e tempo de morrer; tempo de plantar e tempo de colher; tempo de matar e tempo de curar; tempo de derribar e tempo de edificar; tempo de chorar e tempo de rir; tempo de prantear e tempo de saltar de alegria.”  Eclesiastes. 3. 1 a 4.

O que é tempo? Tempo é vida. Quem ganha tempo, ganha vida; quem perde tempo, perde vida. É um dos bens mais preciosos que o ser humano tem à sua disposição. O tempo tem características únicas que não iremos encontrar em nenhum outro momento ou lugar. Por exemplo:

1) O tempo é altamente deteriorável: Continue lendo...

Atitudes que levam ao sucesso

“Aquele que conquista o outro é forte. Aquele que conquista a si mesmo é poderoso”.
Lao Tzu

Como você está se sentindo hoje: bem ou mal? Como você está se vendo hoje: como um vencedor ou como um perdedor? Como você se vê daqui a dez anos? O que você está fazendo hoje, está te levando para mais próximo ou mais distante dos seus objetivos? O que você está ingerindo todos os dias está te levando para uma vida longa ou para a morte? Você tem o comando de sua vida ou é escravo dela? Como anda a sua auto-estima? Saiba que a vida é uma dádiva alegre que lhe dará, exatamente, o que você lhe ordenar.

A atitude depende única e exclusivamente de você mesmo.

Se a sua realização pessoal não está indo na direção ou velocidade que você espera, não olhe para Continue lendo...

A felicidade de um casal e a “economia” de sentimentos

                            A felicidade de um casal e a “economia” de sentimentos
                                             Antonio de Andrade *

A vida de casal é uma das mais importantes relações interpessoais que contribuem para a felicidade. A maioria das pessoas cultiva a imagem de um casal que vive em felicidade, mas a realidade mostra um número muito grande de casais infelizes, descontentes com o relacionamento que têm, sem realização, conforme indicam as estatísticas de separações. Em Terapia de Casal, ao se procurar examinar as razões da crescente insatisfação que homens e mulheres revelam, uma das respostas certamente estará no fator classificado como “economia de sentimentos”.   Continue lendo...

Acalmando Intenções Conflitantes

Não é raro que as pessoas tenham duas classes de sentimentos acerca de seus desejos. Por uma parte, podes dizer-te a ti mesmo que queres ser vitorioso. Essa é tua primeira intenção. Por outro lado, prévias experiências perdedoras ou falta de confiança podem levar-te a crer que isso não é possível, o qual também se converte em uma intenção que produz energia.

Crie e não verá a crise

Você já empreendeu? Pretende empreender? Sabe exatamente o que deve fazer para prosperar? Naturalmente, todos os empreendedores sonham em ver os seus negócios triunfarem. Quem não gostaria de começar um negócio na garagem de casa e tornar-se uma Microsoft? Inaugurar uma pequena sala com cabos de rede espalhados por todos os cantos e transformar-se em uma Apple? Tentar criar, no quintal de casa e sem nenhum recurso, um remédio para aliviar a dor de cabeça e virar uma Coca Cola? Começar comprando artigos direto dos produtores em Arkansas e vendendo-os aos clientes no varejo e tornar-se um Wal-Mart? Abrir uma pequena rádio para informar sobre a segunda guerra mundial e evoluir para as organizações Globo?

O que todos esses empresários enxergaram e implementaram para levá-los a tamanho sucesso? Natuturalmente, várias ações ao longo de muitos anos. Mas, uma coisa podemos afirmar sem medo de errar: todos eles se dedicaram muito ao negócio. Trabalharam com afinco e em longas jornadas, passaram noites em claro e viraram muitos finais de semana e feriados labutando.

A sua aparencia vale ouro

Como você classifica a sua aparência: muito importante, importante, média importância ou sem muita importância? Caso tenha respondido algo diferente de muito importante, é bom rever a sua maneira de pensar. Há estudos que garantem que a nossa apresentação tem influência direta em nosso contracheque.

Recentemente li um estudo realizado por uma universidade Norte-americana sobre este assunto. Segundo a publicação, foram 7.000 adultos entrevistados. Eles foram divididos em dois grupos e seguindo critério da aparência. Depois, compararam remuneração por trabalho semelhante. O resultado revelou que aqueles que estavam abaixo da média na aparência, ganhavam menos do que aqueles classificados como “na média e acima da média”.

Muita gente diz que a aparência Continue lendo...

Por que. no Natal, as pessoas mudam?

 

Prezado/a internauta

As pessoas começam a mudar quando chega a época do Natal. O que acontece com as pessoas? 

No artigo “Por que, no Natal, as pessoas mudam?” há algumas idéias para sua reflexão sobre essas mudanças. 

Que essas idéias contribuam para que faça desabrochar em sua vida características saudáveis e seja mais alegre e feliz, fazendo os outros também alegres e felizes.

Com um abraço fraterno,

Antonio de Andrade

Lorena, SP 

Por que, no Natal, as pessoas mudam?

Antonio de Andrade *

    Na época do Natal é comum observar mudanças significativas acontecerem nas pessoas. Essas mudanças são tão marcantes e visíveis que já no passado o escritor Machado de Assis chegou a exclamar: “Mudaria o Natal ou mudei eu?” 

Continue lendo...

Sonhar não custa nada…

 

“Sonhar não custa nada, não se paga pra sonhar…” lembro de uma música de Carnaval que começava assim e essa é uma grande verdade porque o que custa é realizar. Colocar em prática tudo aquilo que sonhamos dá trabalho, e como dá! Então devemos desistir de praticar e ficar só com a parte boa que é o sonho? Não! Certamente ele vai se tornar um grande pesadelo, daqueles que acordamos no meio da noite, suados, com os olhos saltados, boca seca e sem a menor vontade de dormir de novo.

O que é mais importante?

Estar  presente  é  importante.  Ser  gentil  e  atencioso  também. Viver  cada  dia  sem  ofender  ou  ferir  ninguém  é  igualmente  im- portante. Ter a mais moderna tecnologia ao seu dispor não é.
Não me entenda mal, não tenho nada contra essas novidades. Para falar a verdade, não resisto à maioria dos avanços tecnológicos. Mas não confio demais em nenhum deles e os encaro meramente como instrumentos  úteis  ao  meu  trabalho,  sem  lhes  atribuir  um  valor intrínseco ou considerá-los símbolo de status ou superioridade.
Fazer algo de útil com sua vida é importante. Ir ao shopping só porque está entediado não é. Lógico que não há nada demais em fazer compras, mas saiba discernir o que tem valor ou não, o que traz algum benefício ou não. Isso não quer dizer que você deva abrir mão de todo o luxo e conforto e mudar-se para o meio do nada a fim de assistir os desfavorecidos — isso, com certeza, é importante, mas você não precisa chegar a tais extremos a fim de dar um significado à sua própria vida.
Esta  regra  mostra  como  é  necessário  se  concentrar  no  que  é importante para você e para a sua existência, realizando mudanças positivas para garantir sua satisfação com seus objetivos de vida (veja  a  regra  6).  Isso  não  quer  dizer  que  você  precise  elaborar minuciosos planos de longo prazo, e sim saber em linhas gerais o que está fazendo e para onde isso o conduzirá.

Psicologia Cognitiva

O ser humano desenvolve três tipos de condutas (comportamento) de acordo com sua estrutura bio-psico-social. A ideal é a conduta assertiva!

A conduta não assertiva e a agressiva são disfuncionais e precisam ser corrigidas…

Conduta Assertiva: Expressão direta dos próprios sentimentos, desejos, direitos legítimos e opiniões sem ameaçar, agredir ou castigar os outros e sem violar seus direitos.

A asserção envolve respeito consigo mesmo ao expressar suas necessidades e defender seus próprios direitos, assim como respeito em relação aos direitos e necessidades das outras pessoas. O indivíduo deve também ter noção de suas responsabilidades nessa situação e as conseqüências da expressão de seus sentimentos.

Academia do Aprendiz © 2014-2017